“ENCONTRAR” DI CAVALCANTI NO CENTRO DE SP

As caminhadas pelo centro da cidade revelam vez em quando, fragmentos de uma cidade que insiste em ser omissa com a própria história. Poucos minutos de observação são suficientes para identificar a obra e o artista, além de testemunhar o descaso e o quase abandono – “quase” é eufemismo da minha parte – a que está submetido, há tempos, o centro da cidade.

17951675_1242122975906136_2569014052702439358_n

Em 1922, Mario de Andrade (Paulicéia Desvairada) definiu São Paulo como o cenário de uma rápida urbanização, novas culturas, imigração e explosão demográfica. Neste processo, alguns artistas deixaram na arquitetura da cidade, sua marca.

18056881_1242123052572795_4740844682137226166_n

Estamos no Ed. Triângulo, na esquina da Rua José Bonifácio com Quintino Bocaiuva. Inaugurado em 1955, tem a assinatura e projeto de Oscar Niemeyer, através de um escritório que o arquiteto mantinha na capital paulista na década de 1950. O mural localizado na fachada do prédio é do artista Di Cavalcanti, expoente do movimento modernista e idealizador da Semana de Arte Moderna em 1922.

17952757_1242123092572791_5564444909603262028_n

Em 13 de Abril de 2004, o mural foi tombado pela Prefeitura de São Paulo, passando a integrar a lista do patrimônio histórico e arquitetônico do município.

Quanto à conservação… :/

Dimas Mendes Jr. – ART URBe

Curta ART.URBE nas redes sociais:  facebook-letter-logo  APP TUBE

 

DILATAÇÕES HUMANAS: FORMAS E PERSPECTIVAS DO FEMININO

HUMAN02

Entediado com as representações do universo feminino de uma forma geral, o fotografo suíço Roger Weiss decidiu criar seu próprio modelo de apreensão estética,  das linhas e curvas do corpo de uma mulher.  Segundo Weiss, os modelos de perfeição física que se apresentam de tempos em tempos,  são como máscaras que escondem a realidade das formas.

“Meu desafio é buscar a essência do ser  feminino” , afirma o fotógrafo que produziu um ensaio de cerca de 250 fotos inspiradas no Kintsugi, um método japonês  de restauração que se utiliza de ouro, para reparar objetos danificados.

HUMAN

 

Human Dilatations ( Dilatações Humanas) propõe uma visão fora dos arquétipos e padrões  convencionais, expondo a fragilidade e as imperfeições – ou não – do corpo, de maneira objetiva e ampliada.

HUMAM06

A técnica utilizada, se resume em uma espécie de colagem de dezenas de fotos de uma mesma modelo,  em ângulos e perspectivas diversas que ao final, trazem uma visão bem particular e aumentada da anatomia feminina. Algumas imagens nos remetem ao Neolítico e às primeiras estátuas feitas de ossos e barro, famosas representações das divindades e deusas da fertilidade e da criação do universo.

Dimas Mendes Jr. – ART URBe

Mais em: rogerweiss.ch

Curta ART.URBE nas redes sociais:

             APP TWITTER   APP TUBE

IV Festival Finos Filmes: Curtas Metragens em SP

Festival-Fino-Filmes-e1492530998344

Com a proposta de valorizar o debate de questões nacionais, como habitação, especulação imobiliária, imigração nos grandes centros urbanos, entre outras, o IV Festival de Finos Filmes anuncia que,  dos mais de 200 realizadores brasileiros que inscreveram os seus curtas-metragens, 16 participarão da seleção oficial do evento. O festival será realizado de 6 a 16 de maio e ocupará as salas do Museu da Imagem e do Som, FAAP, Matilha Cultural e Caixa Belas Artes. A abertura oficial será no dia 4 de maio, no Cine Caixa Belas Artes, em S. Paulo.

Além do enfoque nacional, o IV Festival de Finos Filmes trará, em parceria com a Agência da Curta-Metragem, entidade portuguesa, um Panorama do Cinema de Portugal, país cuja produção recente tem conquistado – todos os anos – espaço em grandes festivais, como Cannes e Berlim. As obras da produtora Terratreme, empresa de catálogo multi-premiado, também ganharão sessão especial. “Precisamos pensar em novos modelos de produção e distribuição de curtas-metragens. Algumas experiências portugueses tem sido valiosas nesse sentido e, sem dúvida, podem servir de inspiração”, completa Felipe Arrojo Poroger, diretor da mostra.

Fonte: cineset

CURTA o ART . URBe nas redes sociais:   facebook-letter-logo APP TWITTERAPP TUBE