Videoarte: o debate sobre o fazer artístico

O barateamento e a difusão do vídeo no fim da década de 1960 incentivam o uso não-comercial desse meio por artistas do mundo todo, principalmente por aqueles que já experimentavam as imagens fotográficas e fílmicas. O vídeo e a televisão entram com muita força no trabalho artístico, freqüentemente associados a outras mídias e linguagens. Continue lendo “Videoarte: o debate sobre o fazer artístico”

Você já viu grafites em florestas?

 O artista moscovita Evguêni Tches é um grande fã do CelloGraff, novo tipo de grafite que, em vez de muros e paredes, usa folhas de celofane esticadas entre duas árvores como telas para os desenhos.
“Em um determinado momento comecei a pintar em papel-filme. Vi na internet dois caras da França pintando em um papel-filme na cidade, então decidi tentar – estava interessado”, disse o artista.
Continue lendo “Você já viu grafites em florestas?”